Está aí uma das coisas mais importantes na viagem e que nos deixam perdidas na hora da arrumação. Hoje vou te dar dicas de como fazer as malas da maneira mais confortável e ainda, levando poucas coisas!

Imagem: Caroline Joy – Un-Fancy

A mala é uma das coisas mais difíceis de arrumar, você sempre acaba esquecendo algo ou levando coisas demais. Com base na minha experiência no último ano, hoje vou dar dicas de como organizar a mala sem esquecer dos itens mais importantes e também, levar o que você realmente vai usar.

Checklist é fundamental

Ter um checklist é fundamental para você se lembrar de levar coisas simples que muita vezes esquecemos, como shampoo, escova de dentes, remédios, etc. Eu preparei um check list que vai te ajudar muito na hora de preparar a mala.

Como preparar uma mala – viagem curta

No Brasil e aqui também, existem companhias e companhias. Algumas deixam você viajar somente com uma mochila, já outras permitem que você consiga viajar com a mochila e mala de mão.

As experiências que tive foram com duas opções de bagagem. Mas é possível viajar somente com uma mala de mão, sem a mochila. No meu caso, levei a mochila, porque na companhia aérea Ryanair você tem que comprar mala adicional se quiser levar, então para Bérgamo e Portugal fui com duas malas e o meu marido só com a mochila.

Mala de mão – Verão

Na mala de mão costumo levar peças essenciais para uma viagem com duração de até 5 dias. No caso de viagens para lugares quentes, a quantidade sobe um pouco por conta da troca das peças. Na minha viagem para o Piauí levei esses itens, que já servem de base para você ter uma ideia.

  • 4 shorts
  • 6 regatinhas
  • 1 kimono
  • 1 camisola
  • 1 par de rasteirinha
  • 1 par de chinelos
  • Shampoo, condicionador, escova de dentes, pasta de dentes
  • Maquiagem
  • Chapinha
  • Remédios

A viagem durou 5 dias e eu também tinha a opção de lavar minha roupa, mas como não lavei nenhuma peça, a quantidade que levei foi o suficiente. Como lá faz muito calor, tenho que trocar as peças quase todo dia. Shorts jeans ainda consegui usar por dois dias. Na quantidade de roupas, já estava incluso duas peças para usar em casa. Viajei usando um sapato fechado, shorts, regatinha e um kimono. Peças intimas não fazem parte da contagem, já que gosto de levar sempre a mais do que vou precisar.

Mala de mão – Inverno

No inverno, as coisas já mudam. A quantidade que levo é menor do que para lugares quentes. Em Lisboa, por exemplo, registrei os looks que levei e baseado nessa viagem, vou montar a mala que levei, uma viagem que durou 4 dias.

  • 1 calça legging
  • 2 regatinhas
  • 1 lenço
  • 1 camisa manga longa
  • Secador e chapinha
  • Camisola
  • 1 par de chinelos
  • Shampoo, Condicionador, escova de dentes, pasta de dentes, creme hidratante
  • Maquiagem
  • Remédios

A quantidade muda drasticamente. Como estava frio, você consegue usar por mais tempo as roupas. Viajei usando outra calça legging, uma regata, um kimono, lenço, uma jaqueta mais grossa e uma bota cano baixo. A jaqueta foi usada poucas vezes, mas era necessário levá-la. Com essa mala, pude usar todas as peças por duas vezes, criando muitas composições diferentes. Não levei nenhum sapato a mais, já que a minha bota foi suficiente para o frio e também não molha por dentro se por acaso chovesse.

Mala despachada – 1 mês ou mais

A mala que faço para vir para Dublin ou ir para o Brasil é muito particular, porque normalmente eu deixo peças aqui e levo somente coisas básicas pra passar os dias por lá. Confesso que levo mais presentes e lembrancinhas do que roupas para mim, haha. Mas irei usar a referência da mala que montei para vir para Dublin lá em junho de 2018, que foi pensada para mais de 8 meses.

Quatro estações

Na época, saí no inverno brasileiro e vim pro “verão” irlandês, verão que não é escaldante igual no Brasil, mas que pede roupas mais leves. Além disso, os itens que levei foram para praticamente 4 estações.

  • 1 calça jeans
  • 3 calças legging’s
  • 6 regatinhas
  • 4 pijamas (shorts+regatinha)
  • 3 camisas manga longa
  • 4 kimonos (tecido fino)
  • 1 vestido regata
  • 1 vestido manga longa
  • 3 shorts
  • 5 lenços
  • 1 jaqueta de couro sintético
  • 1 jaqueta impermeável
  • 2 pares de tênis
  • 2 pares de botas
  • 1 par de rasteirinhas
  • 1 par de sapato salto médio
  • 1 par de chinelos
  • 1 calça de moletom
  • 1 blusa moletom
  • 1 toalha de banho e 1 de rosto
  • 1 luva e 1 touca
  • 1 bolsa (pequena)
  • Acessórios de higiene e eletrônicos (lista)

Pouca coisa não? Para uma viagem de um mês, posso reduzir a quantidade de algumas coisas, como lenços, kimonos, pijamas e calçados. Além disso, se a sua viagem for a turismo, diferente da minha, você pode ir em lavanderias, que aqui são extremamente práticas e você usa a lava e seca por um preço bem acessível.

A última dica que dou em relação à mala é: depois de organizar toda sua mala, sejam duas grandes ou uma grande e uma pequena, não se esqueça de colocar a identificação em todas e também comprar cadeados, que são super importantes nessas ocasiões. Além disso, compre uma balancinha para pesar suas coisas, assim você sabe exatamente a quantidade de peso que está levando, sem surpresas na hora do embarque.

E agora quero saber de você, você consegue viajar somente com as peças que mencionei acima? Na próxima semana vamos falar sobre aeroportos. Como fazer o check-in, embarque sem pressa, tempo de espera ideal entre uma viagem ou outra, etc.

Antes que eu me esqueça, vou postar alguns looks no meu Instagram que registrei durante as estações aqui de Dublin e também vou repostar os looks que usei em Lisboa para vocês se inspirarem. Espero que esteja gostando da nossa série! Até a próxima semana! 🙂

Posted by:Carol Pinheiro

26 anos, designer de interiores, ama animais, bichinhos de pelúcia e videogame. Espia o blog, porque tem muita diversidade e assuntos interessantes para compartilhar com vocês.